Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 27 de setembro de 2016

"Estão falindo os comerciantes da Pedra do Sal: Wellington Dia é um encantador de serpentes"


                                 D. Adalgisa com Mão Santa
Em entrevista concedida hoje a um noticiário da Rádio Igaraçu de Parnaíba, Dona Adalgisa Moraes Sousa, esposa do candidato a prefeito, Mão Santa, disse que o governador é um "encantador de serpentes, que veio a Parnaíba, sob intenso foguetório, anunciar a retomada das obras de ampliação da estrada de acesso  à Pedra do Sal, (iniciadas na gestão do ex-governador Zé Filho) mas até agora está quase do mesmo jeito", disse . Dona Adalgisa falou ainda que, inclusive, já viu placas dando a obra por concluída.
"Estão (os governantes) é falindo o comércio da Pedra do Sal. Em caminhadas por lá vimos pequenos comerciantes rezando à espera de clientes, porque a situação da estrada tem impedido a frequências de pessoas àquela localidade", frisou Dona Adalgisa.
OBRAS ANUNCIADAS HÁ QUASE UM ANO
Em outubro do ano passado, vai fazer um ano, portanto, o governador Wellington Dias  disse que as obras de alargamento da rodovia PI 116, que liga a zona urbana de Parnaíba a praia da Pedra do Sal seriam retomadas O governador assinou com o prefeito Florentino Neto, a Ordem de Serviço, numa noite de domingo (18) daquele mês, durante a cerimônia de outorga da Ordem Estadual do Mérito Renascença do Piauí, para que o Departamento de Estradas de Rodagem do Piauí (DER-PI) em parceria com a Prefeitura de Parnaíba retomassem as atividades. O valor da obra está orçado em R$ 21.565.000,00.
COBRANÇAS
Agora que anunciam a vinda do governador a Parnaíba mais uma vez, com o intuito de fortalecer a candidatura à reeleição do candidato do PT, Florentino Neto, que tal cobrarmos esta e outras inúmeras promessas já feitas e nenhuma cumprida até agora, quase dois anos depois?
Wellington Dias não está e nem nunca esteve preocupado com as coisas do Piauí. Neste tempo em que a ex-presidente Dilma sangrava, pagando pelas tolices que fez, o governador deixou o Estado para ir a Brasília chorar pela permanência da outra petista. Agora vem a Parnaíba apenas porque está preocupado com seu projeto político de reeleição em 2018. E os votos dos parnaibanos é muito importante nesta hora. Que tal o parnaibano dar o troco dia 2 de outubro?!!!