Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

GREVE DE 23 DIAS É A MAIS LONGA DESDE 2004 E A MENOS PERCEBIDA

TECNOLOGIA REDUZ IMPACTO DA GREVE DOS BANCÁRIOS NO DIA-A-DIA
ESSA GREVE JÁ É A TERCEIRA MAIS LONGA DESDE 2004, QUANDO A PARALISAÇÃO CHEGOU A 30 DIAS (
A greve dos bancários, que entrou hoje (28) em seu 23º dia, já é a terceira mais longa desde 2004, quando a paralisação chegou a 30 dias. Em 2013, a segunda mais lomga do período, a greve teve 24 dias. Mas, ao mesmo tempo, é a que menos transtornos causou aos correntistas, em razão do avanço rápido da tecnologia da informação nos serviços bancários. 
Apenas uma parcela ínfima dos correntistas ainda sente a necessidade de ir à agência bancária tratar dos seus interesses. Com o avanço das tecnologias, já é possível não apenas fazer saques, em caixas eletrônicos, mas também fazer depósitos de cheques, pagar contas, obter empréstimos e até negociar dívidas através do teclado do computador ou de smartphones. E mesmo durante as greves anuais dos bancários.
Os investimentos em autoatendimento podem ser atestados em números significativos como do Bando do Brasil, cujo setor de desenvolvimento de tecnologias, até há poucos anos com cerca de 1.500 funcionários, hoje conta com a atuação de cerca de 4.500 pessoas. O BB foi que criou, por exemplo, o serviço de negociação de dívidas junto ao próprio banco sem a necessidade de ir à agência.
Além de afetar cada vez menos os correntistas, as greves dos bancários afetam menos também os próprios bancos, que não parecem muito empenhados em resolvê-las rapidamente. Com a paralisação, despencam as despesas de custeio das operações bancárias, e isso deixa os banqueiros felizes.(Diário do Poder)