Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

PPO abandonado no Bairro Santa servindo apenas para a marginalidade

                                   PPO Bairro Santa Luzia
O prédio onde funcionava o posto de policiamento ainda continua de pé, abandonados e servindo para bandidos, invés de propiciar segurança para a população. O PPO, implantado na gestão do então Governador Mão Santa, funcionava 24hs com policiamento mais próximo da sociedade, assim facilitado a locomoção policial e apreensões de marginais devido a localização de equipes de plantão, fato que não acontece mais hoje em dia.
No Bairro Santa Luzia, onde é alto o índice de usuários de drogas e consequentemente a violência, existia um PPO funcionando no centro da comunidade. Depois de desativado o posto de policiamento teve o prédio abandonado e a comunidade se tornou mais violenta, ocorrendo nesse período mais homicídios, rotineiros assaltos e tráfico de drogas.
O prédio do PPO está localizado em frente a uma escola infantil e próximo a uma quadra esportiva, na Avenida José de Moraes Correia. Neste local diariamente centenas de crianças e jovens transitam para ir a escola ou praticar atividades esportivas. Ha alguns anos, quando ainda estava em funcionamento, o prédio chegou a ser arrombado e levado alguns objetos do posto, com o passar dos tempos levara portas, janelas e até as telhas.
O prédio que é da Policia Militar do Piauí está servindo somente para os marginais usarem drogas e até manter relações sexuais, segundo denúncias de moradores das proximidades. O uso de drogas como ‘maconha’ e ‘craque’, além de outras substâncias como o conhecido ‘loló’ é feito durante a noite e a madrugada. Até durante o dia acontecem o delitos nas proximidades.
O policiamento que era fixo na comunidade, agora vez ou outra é feita através de rondas e patrulhas, o que facilitou a vida dos bandidos. A população tem medo da violência e pede que o prédio do antigo PPO possa ser recuperado e seja devolvido o ‘sossego’ para comunidade. Detalhe: em pichações de vândalos encontram-se até deboches com a polícia.
“Não sei o que está acontecendo com a polícia. Antigamente tinha uma viatura a disposição do PPO e quando ela saia ficavam ainda dois policiais no plantão. O tempo passa, se moderniza e o número de policiais na cidade ao invés de aumentar fez foi diminuir”. Disse uma vizinha do PPO que não quis se identificar.
Foram desativados todos os PPO’s por economia e por falta de policiais para manter os postos funcionando. Atualmente a PM do Piauí conta com aproximadamente 7 mil homens, quando no mínimo precisa de 14 mil.(Jornal da Parnaíba)