Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

MÃO SANTA COM CACIFE DE EX-GOVERNADOR SERÁ O LÍDER DOS PREFEITOS DA REGIÃO DO DELTA

  • Por:Tomaz Teixeira
  • O ex-governador Mão Santa não será um prefeito comum como muitos que passaram pela prefeitura de Parnaíba. Com cacife de ex-governador e ex-Senador da República, tem trânsito livre em Brasília, dentro do senado, onde desenvolveu papel importante como orador reconhecido em todo país, (aliás, em muitos estados do sul se ele se candidatar será eleito senador), tem como chegar facilmente ao Presidente Temer, de quem é amigo pessoal, e buscar as verbas que impulsione o turismo na região e até a construção do porto do Vale do Timonha.
  • ·MÃO SANTA VAI IMPLANTAR A UNIVERSIDADE DO DELTA – Esse será o maior marco do ex-governador Mão Santa e futuro prefeito da Parnaíba, pois, tendo apoio do presidente Temer e do PMDB do Piauí, vai ser o coordenador da implantação da Resultado de imagem para mão santa na tribuna do senadoUniversidade do Delta, projeto de sua autoria e aprovado pelo Congresso, logo após ele ter concluído o mandato de senador. O destino quis que Mão Santa seja o lançador da Universidade do Delta, numa festa que marcará e modificará para a posteridade o conceito da simpática cidade de Parnaíba, podendo ser batizada de: “ A COIMBRA DO BRASIL)”, uma cidade nobre, histórica e com a marca da cultura universitária. Convenhamos, Deus está sendo muito bom com Mão Santa. Talvez, pelo carinho com que sempre governou priorizando as camadas mais pobres da população de Parnaíba como prefeito e do Piauí, como Governador.
DESTAQUE:
O ex-senador Mão Santa é o autor do projeto de lei do Senado (PLS 290/03) que cria a Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFPAR), por desmembramento da Universidade Federal do Piauí (UFPI) que teve como relator na CCJ, o senador Álvaro Dias (PSDB-PR) que apresentou voto pela aprovação da matéria, mostrando o interesse regional da nova universidade, que deverá servir a cidades do Piauí, do Maranhão e do Ceará, atendendo a uma população de mais de mais de 500 mil habitantes. O projeto do então senador Mão Santa foi aprovado no Senado no final de 2005 e enviado à Câmara dos Deputados que teve como relator o deputado Antônio José Medeiros (PT) e após tramitar nas comissões foi aprovado em plenário em 2009.
Segundo informações de bastidores a homologação do projeto que dormia numa gaveta da presidência foi uma das exigências do deputado Paes Landim para votar contra o impeachment da presidente Dilma Vana Rousseff.