Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sábado, 15 de outubro de 2016

O porto dos tatus e a mágica pra enganar caboclo besta

Por:Pádua Marques
Estou nessa idade, mas ainda estou pra ver bicho mais besta pra gostar de ser enganado do que caboclo. Se ponha numa feira em dia de domingo e fique observando aquele magote de gente em volta de um sujeito muito do falador que vende essas pomadas que ele diz serem vindas lá das bandas do Pará e que curam tudo o que é doença. Reumatismo, coceira nas virilhas, impaludismo, dor de cabeça, gripes e resfriados, enfim, tudo o que é coisa ruim.
Esses vendedores de beberagens em meio de praças de feira ou em calçadas de mercados são muito espertos. Dão de dez a zero em muita gente que se graduou em escola de publicidade e propaganda e se pabula que tem mestrado e doutorado. Gente que tem uma mala cheia de diploma perde é longe pra esses vendedores de pílula-contra, pomada pra curar frieiras, coceira na bunda, diarreia, pressão alta, colesterol e até pra o vicio de cachaça. Doença que nem doutor dá jeito.
Ficam os caboclos ali ouvindo aquelas asneiras, de cara pra cima e num terror de sol daqueles! Muitas das vezes se esquecendo de voltar pra casa na combinada com dona Encrenca. Esses vendedores são acostumados a plateias, as grandes, as médias e pequenas. Eles sabem tirar aplausos até mesmo de gente como essa da Parnaíba, que é incapaz de bater palmas até pra um show de graça do Roberto Carlos ou do Zé de Maria. Eles têm as manhas de fazer aquele sujeito mais muquirana abrir a burra e acabar levando seu xarope.
Pois falando nisso, nessa habilidade de algumas pessoas terem de manipular outras, principalmente nas ignorantes de pai e mãe, nessa semana passada repercutiu em toda a dita mídia o lançamento pelo pessoal do governo estadual da maquete eletrônica do porto dos Tatus, em Ilha Grande do Piauí. A coisa, esse fumo de Arapiraca que nunca se desenrola e que esse mesmo pessoal do governo sabe que é pura enganação, essa lorota sem fim, se arrasta desde, salvo engano, desde 2009, quase dez anos.
Realmente a maquete mostrada, igual às outras vezes é coisa de cinema! Lembra aqueles quiosques nas Bahamas, Angra dos Reis, na Indonésia ou na Tailândia. Aquilo não é pra nosso bico, não, meu irmão! Mas é tudo enganação, acreditem. Em 2009 uma dessas secretarias de infraestrutura anunciava o lançamento de um edital de licitação para as obras desse porto. Passou por outras datas em 2010 e 2014. De lá pra cá tem é coisa! Entrou no do pinto saiu no do pato, senhor rei mandou dizer pra eles contarem mais quatro.
E os caboclos bestas de Ilha Grande do Piauí, os mais bestas que eu já conheci na vida, que ainda acreditam em conversa fiada dessa gente, estão até agora de cara pra cima esperando essa obra, esse desencanto de caveira de burro. Essa conversa de obra em porto dos Tatus vai sair no dia em que a galinha criar dente! No dia em que o sargento Garcia prender o Zorro, no dia em que for encontrada a ossada de dom Sebastião, rei português desaparecido na batalha de Al Cácer Kibir, na África. No dia em que encontrarem a passagem secreta da casa do Simplição!