Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 10 de novembro de 2016

CAI A MÁSCARA DO GESTOR FLORENTINO NETO

                             Fernando Gomes e Florentino Neto
O ex-vereador Fernando Gomes, em matéria publicada esta semana na imprensa, faz referência ao fato constatado no Portal da Transparência do Tribunal de Contas, dando conta que a “Folha de pagamento de Parnaíba chega a R$ 116 milhões por ano”. 
Para ele, isso escancara a vergonha com que se usou o dinheiro público pela administração municipal que se encerra em 31 de dezembro. E conclui que “o alto custeio da máquina com essa folha é uma das razões de não se ter um programa de manutenção e recuperação da pavimentação; não ter os postos de saúde em pleno funcionamento; dentre outras ações básicas. Essas nomeações irregulares requerem uma investigação imediata pelos órgãos competentes e a suspensão do pagamento de vencimentos aos funcionários lagartas”.
MÁSCARA
Essas constatações derrubam a máscara de “bom moço” que possuía o prefeito Florentino Neto. Alguns até diziam que o atual prefeito não era realmente do PT porque não se via corrupção no seu governo, não havia falcatrua. Claro, não se sabia o que estava por debaixo dos panos porque a gestão não era transparente. O Diário Oficial eletrônico nunca foi regulamentado. E o impresso teve sua última edição em outubro, afora as nomeações que ocorriam sem passar pela Câmara Municipal. Tudo bem ao “modus operandi” do PT. A equipe de transição do Mão Santa está debruçada sobre uma série de documentos que tem conseguido a duras penas. “Não nos deram ainda nem 1/3 das informações que solicitamos”, disse um membro da Comissão.