Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Vamos abrir a Caixa Preta da Câmara Municipal de Parnaíba?

Muita gente admirada com o tamanho da folha de pagamento da Câmara Municipal de Parnaíba, referente ao mês de agosto, enviada ao Tribunal de Contas do Estado. O Portal 180 Graus publicou ontem os nomes dos supostos servidores da Casa, onde se constata que grande parte deles é composta de funcionários lagarta, ou seja, daqueles que só aparecem na folha. Quem quiser comprovar é só visitar a Câmara durante o dia para constatar que a maioria dos ditos assessores dos 17 vereadores nunca aparecem no trabalho. Os gabinetes, em sua maioria, raramente são abertos, durante o dia. Mas, falar, de pouco adianta, porque eles passam 4 anos guardando dinheiro e quando chega do dia do pleito, compram votos e se reelegem e ficam zombando de quem reclama.
Orçamento
                                    Presidente atual Gustavo Lima
Aliás, nunca se soube ao certo quanto a Prefeitura repassa para a Câmara mensalmente. Fala-se em orçamento quase igual ao que é repassado de Fundo de Participação a municípios do tamanho da Ilha Grande, Bom Princípio, Cajueiro da Praia e outros. Ao ano, segundo os dados do Tribunal de Contas, a Câmara Municipal de Parnaíba recebe perto de 5 milhões de reais, o que pode ser considerado uma fortuna se compararmos o retorno que os vereadores dão com o trabalho que desenvolvem em “benefício” da população. Pela lista de servidores publicada, pouquíssimos trabalham, de fato. Parte deles cede o nome para o vereador colocar como assessor e no final do mês dividirem com ele o salário. Isso tem que ser desmascarado. Que a próxima legislatura comece a se preocupar também com a transparência, porque está provado que mentir, esconder os fatos, não adianta. A verdade sempre aparece.