Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Arrumar como?

Resultado de imagem para wellington dias e assis carvalho
                  Assis Carvalho e Wellington Dias: Muy Amigos
O deputado estadual Robert Rios (PDT), o mais ácido crítico do governador Wellington Dias (PT) costuma dizer que é difícil ficar com raiva do petista, que trata a todos com afeto, embora à maioria não dê mais que essa atenção. Em política, uma atividade onde as moedas de troca são cada vez mais escancaradas, o afeto funciona muito mais como cimento das permutas que como garantia de manutenção de alianças. Com uma base aliada sólida na Assembleia Legislativa, mas à cata daquilo que Nelson Rodrigues descrevia como burrice, o governador parece ter se envolvido numa grande confusão. Desde dezembro vinha sinalizando a possibilidade de acomodar o PMDB no seu governo-ônibus, reservando ao Partido Progressista um assento confortável na Secretaria da Saúde, para abrigar em outra cadeira já ocupada pelo PP os novos aliados peemedebistas. Ao que parece, o habilidoso Wellington Dias enredeou-se em sua própria trama, esquecendo de combinar com Assis Carvalho, seu velho companheiro e confidentes dos tempos de sindicalismo e de serviços na Caixa Econômica Federal, que se arvora de ser dono do redigiria saúde. O resultado é que Wellington, sob pressão do velho companheiro de jornadas e segredos, terminou mudando de opinião e deixando o PP de Ciro Nogueira a ver navios. Um aliado sem cargo, mas com prestígio junto ao governador, soprou-lhe no ouvido que com esse tipo de comportamento o governo dele está descambando para o desarranjo.
Lugar nenhum
É só o que se pergunta entre os políticos: Wellington joga os pés em Ciro, um dos mais fortes aliados de Temer, e vai querer usar o ‘prestigio’ de Marcelo Castro para ter as coisas do governo federal?
Não. Não vai, não.

Limite
Ciro e Wellington são muito parecidos: eles são cavalheiros no trato.  Mas quando estão zangados tem seus limites. 
Tanto que por conta do recuo de Wellington na parceria anunciada, Ciro bateu-lhe o telefone.(Por:Arimateia Azevedo)