Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 19 de maio de 2017

“ELEIÇÕES DE 2014 FORAM DISPUTADAS POR BANDIDOS”, DIZ ROBERT RIOS

O deputado estadual Robert Rios (PDT) comentou nesta quinta-feira (18) a delação dos irmãos do grupo JBS que atingiram diretamente o presidente Michel Temer (PMDB) e o senador Aécio Neves (PSDB). Para Robert, as denúncias revelam ao país que as eleições de 2014 foram disputadas por bandidos e que, por isso, o Brasil vive esse momento.
“As eleições de 2014 foram disputadas por bandidos. Tanto a oposição tinha uma liderança bandida disputando, que era o senador de Minas Gerais, como também a própria dupla T [referindo-se a Temer] e Dilma eram dois bandidos também disputando a eleição. Agora, com a queda do Temer, nós vamos ter que virar o jogo”, disse.
Para Robert, a provável prisão de Aécio Neves deve apenas anteceder a prisão do ex-presidente Lula (PT). O deputado defende ainda que Michel Temer deixe o poder e que sejam convocadas eleições diretas para decidir um novo presidente para o país.
“O Brasil não ia aceitar e nem compreender que Lula fosse preso com o Aécio também envolvido não sendo preso. A prisão do Aécio justifica a prisão do Lula, que também justifica a queda do Temer. Agora, o povo do Brasil e do Piauí só vai aceitar se for eleição direta. Eleições indiretas com um Congresso apodrecido é inaceitável. Só eleições diretas salvam o Brasil”, disse.
O pedido de prisão de Aécio Neves feito pela Procuradoria-Geral da República foi negado pelo ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo. No entanto, se houver recurso dessa decisão, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) vai analisar e Aécio pode ser preso.