Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 2 de maio de 2017

Wellington Dias manda Rejane e Fábio para Câmara por não confiar nos suplentes

Por não confiar e, a exemplo do ocorrido na votação do impeachment de Dilma Rousseff (PT) e, mais recentemente, a reforma trabalhista, o governador Wellington Dias irá exonerar os suplentes Silas Freire (PR) e Mainha (PP) e liberar os titulares dos mandatos Fábio Abreu e Rejane Dias para votarem, possivelmente nessa quarta-feira, contra a PEC da previdência social. Silas e Mainha, votaram com o governo federal e contra a vontade de Wellington.

Para Wellington, Silas e Mainha não são de confiança
Para Wellington, Silas e Mainha não são de confiançaA exoneração já foi confirmada pelo secretário Fábio Abreu (PTB) que irá junto com Rejane Dias (PT) retomar a cadeira na Câmara Federal, para votação da reforma da Previdência, que deve ocorrer nessa terça-feira na Comissão Especial e, posteriormente, no plenário da Câmara dos Deputados. O governo federal precisará de pelo menos 310 votos dos 513 deputados.

Rejane Dias e Fábio Abreu retornam à Câmara Federal
Rejane Dias e Fábio Abreu retornam à Câmara Federal