Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 27 de junho de 2017

SERVIDOR PÚBLICO SERÁ LIBERADO NA SEXTA-FEIRA DE GREVE GERAL

Os servidores públicos estaduais que não aparecerem para trabalhar na sexta-feira (30) não terão o ponto cortado. E nem a falta descontada no contracheque, como acontece normalmente. A garantia é do secretário de Estado da Administração e Previdência, Franzé Silva.
O argumento é de que a grande maioria desses trabalhadores dependem de transporte público e os motoristas e cobradores já anunciaram que também vão parar na sexta-feira, em apoio à Greve Geral convocada por várias centrais sindicais, entidades classistas, sindicatos e associações.
“Vamos flexibilizar, porque o servidor não pode ser penalizado se não tem como chegar ao local de trabalho. Aqueles que têm dificuldade de se deslocar ao seu local de trabalho não terão o ponto cortado”, avisou.
O governador Wellington Dias também falou sobre a gravidade do momento, da grande instabilidade política vivida no país com denúncia de corrupção até contra o presidente da República e ministros de Estado. Dias defende o engajamento do Piauí na luta pela preservação dos direitos dos trabalhadores e dos aposentados.
“Como governador eu reconheço que há um nível de insatisfação muito grande, com ameaças aos direitos dos trabalhadores e por essa razão o Brasil inteiro está nessa mobilização. Recentemente tivemos uma mobilização que teve uma participação de mais de 20 milhões de pessoas no Brasil inteiro, e é provável que dia 30 ocorra novamente grande movimentação. O Piauí é parte desse movimento de luta pelos direitos e deve participar. O que o estado vai cuidar apenas para que ocorra de forma pacífica”, adiantou Wellington Dias, ao participar de solenidade, inclusive de uma audiência com representantes da Delegação da União Europeia, no Palácio de Karnak. (Fonte: PiauíHoje)