Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

JUSTIÇA LIBERA CULTIVO DE CANNABIS PARA USO MEDICINAL POR FAMÍLIA DE BRASÍLIA

HABEAS CORPUS PREVENTIVO OBTIDO PELA ADVOGADA DANIELA TAMANINI BENEFICIA ADOLESCENTE PORTADORA DE GRAVE DOENÇA.
Em decisão inédita e unânime, o Tribunal de Justiça do DF concedeu agora à tarde salvo-conduto para uma família plantar Cannabis para fins medicinais. A família foi defendida pela advogada Daniela Tamanini.
A paciente, com 16 anos de idade, é portadora da Síndrome de Silver Russell e após ser medicada aos três anos de idade com Nimesulida (remedio convencional).
Sofreu várias reações, edema cerebral que ocasionou uma hemiparesia (lado direito paralisado). Passou então a apresentar diversas convulsões diárias. Experimentou todos os tratamentos convencionais para dor crônica e convulsao. O unico que mostrou efeito concreto foi o canabidiol (cbd) para convulsoes e tetrahidrocanabinol (thc) para dor.