Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

"QUISERAM CALAR O TRIBUNAL", DIZ OLAVO REBELO

VOTAÇÃO É RETOMADA HOJE APÓS AUTORIZAÇÃO DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. TCE-PI ESTAVA IMPEDIDO POR LIMINAR DO TJ
Antes de iniciar o julgamento do processo de licitação da subconcessão da Agespisa, o presidente do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE), conselheiro Olavo Rebelo, faz um desabafo e alfinetou o governo do Piauí.
No momento em que os outros membros da Corte ainda discutiam um processo referente à prefeitura de Teresina, Olavo lembrou que o TCE ainda retomaria na mesma sessão o processo da subconcessão e afirmou: "Quiseram calar o tribunal".
Nesta quinta-feira (9), o TCE-PI retoma o julgamento do caso após o Supremo Tribunal Federal (STF) autorizar a Corte a prosseguir com a apreciação do processo. Os conselheiros estavam impedidos de julgar o caso por uma liminar do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) pleiteada pelo governo do Estado.
Apenas o conselheiro Luciano Nunes, que pediu vista no último julgamento, falta proferir o voto. No entanto, os conselheiros que já votaram podem mudar de posição e modificar o placar da votação, que atuamente é negativa para o governo. Conforme o resultado parcial,  a licitação vencida pela Aegea Saneamento deve ser anulada.(Gustavo Almeida)